O idoso de 68 anos que teve a primeira morte confirmada no país por infecção da variante ômicron do coronavírus, na última quinta-feira (6), vivia em um asilo, em Aparecida de Goiânia. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, outros 51 idosos também foram diagnosticados com a doença. Em nota, a pasta informou que no dia 22 de dezembro a direção de uma Instituição de Lon...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários