A Universidade Federal de Goiás (UFG) irá acatar a nomeação feita pelo Governo Federal do terceiro nome da lista tríplice para assumir o cargo de reitor da instituição. O entendimento da universidade é de que, apesar de surpreendente, a escolha do nome da professora Angelita Lima, a menos votada em consulta interna, está dentro das previsões legais. Assim, Angelita deve a...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários