O medo de uma nova onda de Covid-19, a ausência de recursos financeiros para bancar a folia, a falta de tempo hábil para contratar a estrutura necessária e suspensões em conjunto na tentativa de evitar migração de foliões. Esses são os principais motivos apontados por cidades do interior e do litoral paulista para cancelar o Carnaval de 2022. Apesar de a pandemia do nov...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários