Nova reitora da Universidade Federal de Goiás (UFG), a professora Angelita Pereira de Lima testou positivo para Covid-19. Devido ao contexto da pandemia e na impossibilidade de empossá-la presencialmente, o Ministério da Educação encaminhou à instituição o termo que a torna devidamente empossada e em pleno exercício de suas funções. O nome da educadora, que dirigia a ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários