O Hospital Estadual da Mulher (Hemu) está fazendo um apelo por doação de leite materno para crianças prematuras e que precisam ganhar peso. No total, as unidade precisa de aproximadamente 400 litros de leite para que o banco de leite funcione com tranquilidade, mas o estoque tem apenas 100 litros e algumas crianças começaram a ser alimentadas com fórmulas. Aproximadamente 200 bebês precisam do alimento.

No geral, o alimento é oferecido para recém-nascidos prematuros, com baixo peso ou que por algum motivo ainda não estão aptos a serem amamentados diretamente no seio materno, internados na unidade. Coordenadora do Banco de Leite do Hemu, Renata Machado Leles explica que diariamente o consumo é de no mínimo 5 litros e que as doações estão chegando a, no máximo, 2 litros. “A conta não está fechando”, completa.

Quem pode doar?

Para ser doadora, as mães precisam seguir algumas exigências:

- Apresentar exame de pré-natal que comprove ausência de doenças infecto-contagiosas

- Não podem ser fumantes, usuárias de drogas ou consumir bebidas alcoólicas

- Não pode ter recebido sangue nos últimos seis meses

- Não pode fazer uso de medicamentos que contenham restrições à amamentação e consequentemente à doação.

Como me candidatar?

As mães interessadas em doar leite materno podem enviar mensagem para o número (62) 3956-2921 e solicitar a coleta em domicílio. 

Doação de vidros, como fazer?

O Hemu também está precisando de doação de vidros para o armazenamento do leite. São aptos potes com a boca larga ou sem tampa normalmente utilizados para alimentos industrializados como café solúvel, maionese, geleias, azeitona e palmito. Como a maioria dos potes são comercializados com tampas de metal, o banco de leite troca por tampas de plástico, mais apropriadas para o armazenamento.

“Recebemos os potes, mandamos as tampas de metal para a reciclagem e compramos tampas de plástico. Os vidros são esterilizados e encaminhados às casas das doadoras. Nosso pedido é que elas tenham apenas o primeiro vidro e após a coleta, os bombeiros agendam a busca do leite e levam novos potes”, completa a coordenadora do Hemu.

Os interessados em contribuir com a doação de vidros podem fazer a entrega no próprio Banco de Leite do Hemu, de segunda à sexta-feira, das 8h às 17h. O BLH se localiza ao lado do hospital, na Rua R-7, esq. Av. Perimetral, s/nº, no Setor Oeste.

Leia também: 

Saiba os benefícios do leite materno para o sistema imunológico da criança

Confira quatro bancos e postos de coleta de leite materno em Goiânia​

Mães enfrentam série de desafios na amamentação prolongada