Após três adiamentos, o julgamento dos cinco acusados de envolvimento na morte do radialista Valério Luiz teve início nesta segunda-feira (13). O jornalista foi morto a tiros no dia 5 de julho de 2012, quando saía da rádio em que trabalhava, no Setor Serrinha, em Goiânia.

O júri popular é realizado na sede do Tribunal de Justiça de Goiás (TJ-GO). A defesa chegou a pedir nova transferência de data, o que foi negado pelo juiz Lourival Machado da Costa. Os acusados são Urbano de Carvalho Malta, Marcos Vinícius Pereira (que participa por vídeochamada, de Portugal), Maurício Borges Sampaio, Djalma Gomes da Silva e Ademá Figueiredo Aguiar Silva.


Leia também:
• Confiante de que finalmente ocorra, diz Valério Luiz sobre júri popular

• Após quase 10 anos do crime, Sampaio e mais 4 são julgados pela morte do radialista Valério Luiz