O ator Carlos Eduardo Bouças Dolabella Filho, conhecido pelo seu nome artístico Dado Dolabella, virou morador de Alto Paraíso, na região da Chapada dos Veadeiros, há pouco tempo e já conseguiu estar no centro de ao menos duas confusões. Em março deste ano, Dolabella foi flagrado em posse drogas, e antes disso relatou ter sido vítima de agressão com um pedaço de madeira.

De acordo com a Polícia Civil de Goiás, o ator de 41 anos contou que no dia 4 de março deste ano estava em uma praça de Alto Paraíso quando foi atingido com uma paulada nas costas. A Polícia Militar chegou a comparecer ao local indicado, mas não encontrou o autor da agressão.

Como se trata de um crime de lesão corporal, havia a necessidade de Dado representar criminalmente junto à polícia. Ele entrou em contato com a delegada para marcar um atendimento, mas não compareceu.

Menos de 20 dias depois, em 21 de março, Dado teve que lidar novamente com a polícia, mas dessa vez, ele não era a vítima.

De acordo com a Polícia Civil, o ex-Fazenda foi abordado pela Polícia Militar em São João D’Aliança, a caminho de Alto Paraíso. Com ele, a PM encontrou uma pequena quantidade de maconha.

Uma vez que posse de drogas não cabe prisão, Dolabella assinou um termo circunstanciado de ocorrência (TCO) e foi liberado.

A reportagem do POPULAR entrou em contato com Dado Dolabella, mas ainda não obteve retorno.

Mudança para Alto Paraíso

Dado Dolabella abriu mão da cidade grande e se mudou para Alto Paraíso no final do ano passado. Conforme informações da revista IstoÉ, o artista compareceu a um evento de imersão no tantra em dezembro e decidiu adotar a região como novo lar.

Em seu perfil no Instagram, o ator comentou a mudança. “Não me sentia mais fluindo em uma selva de pedra, onde o ritmo frenético é ditado pelo capital. Precisava de mais vida pra estar mais vivo. Definitivamente”, contou.

Leia também:

Dado Dolabella sobre morar na Chapada dos Veadeiros, em Goiás: "senti o chamado"

Dado Dolabella diz que vai aguardar imunizante vegano para se vacinar