O advogado do empresário Maurício Borges Sampaio, de 63 anos, afirmou nesta segunda-feira (6) que não vai comparecer ao julgamento pela morte do jornalista Valério Luiz previsto para a próxima segunda-feira (13). Sampaio é acusado de ser o mandante do crime e por duas vezes conseguiu adiar o júri neste ano após manobras envolvendo a defesa. Ao todo já foram quatro adiamentos. O advoga...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários