Depois de concluído o resgate das vítimas com uma embarcação em Corumbá (MS) na tarde da última sexta-feira (15), a Marinha do Brasil informou que o proprietário do barco naufragado será acionado para retirá-lo do local do acidente. A investigação sobre as causas do acidente serão conduzidas pela Capitania Fluvial do Pantanal (CFPN), organização militar subordinada a...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários