A diretora-geral adjunta de acesso a medicamentos e produtos farmacêuticos da OMS (Organização Mundial da Saúde), Mariângela Simão, afirmou que ainda não é possível dizer que a pandemia está no final, citando a versatilidade do novo coronavírus e a quantidade de mutações da variante ômicron, descoberta mais recentemente, em relação à delta. Em entrevista à Globon...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários