Em meio a um imbróglio envolvendo a concessão do serviço de vistoria veicular em Goiás, o desembargador e presidente do Tribunal de Justiça de Goiás (TJ-GO), Carlos Alberto França, determinou a retomada do credenciamento de empresas consideradas aptas para essa função. A decisão derruba os efeitos de uma liminar anterior, que restabelecia o contrato do Detran-GO com a...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários