Um goiano que mora nos Estados Unidos da América (EUA) foi preso no último domingo (12) pela Organização Internacional de Polícia Criminal (Interpol) suspeito de homofobia, racismo e injúria. O mandado de prisão foi expedido pela Delegacia de Polícia de Quirinópolis, a 291 km de Goiânia. A delegada Camila Simões explica que o caso aconteceu entre 2020 e 2021 atravé...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários