Um homem de 31 anos, irmão de um vereador de Montes Claros de Goiás, e o primo dele, também de 31, denunciam terem sido agredidos pelo segurança de uma boate montada no Parque de Exposições de Iporá, na madrugada de domingo (31). A confusão começou após o segurança, supostamente, achar que os dois tentavam entrar no local sem a pulseira que dá acesso. Ao POPULAR, o vereador Daniel Bru...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários