Uma decisão judicial proibiu o coach Pablo Marçal de realizar atividades em picos, montanhas ou espaços de natureza sem autorização da polícia ou órgãos municipais. O pedido foi feito pelo Ministério Público de São Paulo (MP-SP), depois que o influenciador colocou em perigo um grupo de pessoas durante uma expedição ao Pico dos Marins, no dia 5 deste mês. Além disso, o...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários