Em Pirenópolis, moradores denunciam que estão sendo coagidos a contratar serviços de segurança particular. As propostas chegam sem explicações claras, apenas com a informação de que é necessário aderir ao serviço porque “o restante” da vizinhança já está pagando as taxas mensais. As sirenes das rondas feitas por motocicletas estão se multiplicando semana após seman...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários