Um auxiliar de pedreiro, de 34 anos, foi preso na última quarta-feira (3) suspeito de espancar, ameaçar e deixa a namorada de 20 anos em cárcere privado por cinco dias. O caso aconteceu em Quirinópolis, no sudoeste goiano e em depoimento à polícia ele disse que trancou o portão da residência para que ela não saísse na rua machucada. A vítima conseguiu enviar mensagem p...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários