A Ordem dos Advogados do Brasil – Seção Goiás (OAB-GO) se manifestou, no início da tarde desta terça-feira (26), sobre a situação registrada na Casa de Prisão Provisória (CPP), em Aparecida de Goiânia, em que três detentos foram encontrados mortos dentro das celas. A entidade se referiu às mortes como “gravíssimas” e informou que fará, nas próximas horas, uma vistoria nas dependências da un...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários