A Polícia Civil abriu inquérito para investigar denúncias de favorecimento e direcionamento na licitação para o fornecimento de alimentação de detentos e servidores do Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia. O pregão eletrônico foi vencido pela Ciga Alimentos, que ofereceu fazer o serviço por R$ 29,7 milhões por um ano. O certame já é alvo de um processo n...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários