Atualizada às 13h desta sexta-feira (10) A funcionária de um hospital particular de Itumbiara, no Sul de Goiás, é alvo de investigação da Polícia Civil por suspeita de adquirir receitas e medicamentos na unidade hospitalar e vendê-los a pacientes. A recepcionista, conforme as investigações, praticava o esquema há pelo menos três meses e chegava a cobrar R$ 300 po...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários