Ao ser questionado por jornalistas, durante entrevista coletiva realizada neste domingo (9), o prefeito de Capitólio (MG), Cristiano Geraldo da Silva, admitiu que um estudo de análise de risco geológico nunca foi feito no local onde ocorreu o desabamento do paredão de rocha. O acidente deixou dez pessoas mortas e outras dezenas de vítimas feridas. "Nós temos uma le...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários