Dois detentos da Casa de Prisão Provisória (CPP), no Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia, fugiram na noite do último domingo (31). Um deles cumpria pena pelo crime de estupro de vulnerável. Eles realizavam serviço de manutenção da unidade quando a fuga ocorreu. Em nota, Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP) informou que está tomando “as de...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários