Uma professora de 39 anos caiu em um golpe ao tentar reservar uma diária em uma pousada de luxo de Pirenópolis e perdeu R$ 710. Ela buscou o nome da pousada em uma rede social e encontrou um perfil com mais de 6 mil seguidores, se passando pelo estabelecimento. Ela foi redirecionada para uma conversa pelo Whatsapp, onde recebeu informações sobre as acomodações, fotos, v...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários