O novo Código Tributário Municipal (CTM) de Goiânia aprovado e sancionado em 2021 previa que cerca de 37% dos imóveis em Goiânia – algo em torno de 250,6 mil inscrições - teriam um reajuste no Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) acima da inflação em 2023. Todos estes imóveis estão entre os que tiveram um reajuste de 45% mais a inflação em 2022. A Prefeitura divulgo...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários