O motorista da caminhonete Hilux, Eduardo Henrique de Sousa Resende, de 22 anos, e o da BMW, Arthur Yuri, de 18, participantes de um racha que culminou na morte de dois jovens, estavam a 123 km/h em uma via onde o permitido era 60 km/h pouco antes da tragédia, em Goiânia. A constatação é da Delegacia de Crimes de Trânsito (Dict), que investiga as circunstâncias do acidente r...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários