A Prefeitura de Goiânia vai deixar para depois das eleições, em outubro, o envio à Câmara Municipal do projeto de lei que revisa pontos do Código Tributário Municipal (CTM) aprovado no ano passado. A intenção, segundo o titular da Secretaria Municipal de Finanças (Sefin), Vinícius Henrique Pires Alves, é neste intervalo até lá abrir canais de debate com a população p...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários