O vereador e advogado Edson Cândido de Sousa (PDT), de Trindade, é suspeito de orientar um cliente a mentir para a Justiça dizendo que “virou gay” para se livrar de uma acusação de estupro contra uma adolescente, de 14 anos. O caso será investigado pela subseção de Trindade da Ordem dos Advogados do Brasil - Seção Goiás (OAB-GO). Nos áudios vazados, o p...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários