A maior parte dos municípios goianos tem uma situação fiscal difícil ou crítica. Isso é o que apontou levantamento da Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan) divulgado em outubro. Foram avaliadas 5.239 cidades, sendo 225 em Goiás, com base em dados do ano passado. O Índice Firjan de Gestão Fiscal (IFGF) varia de zero a um, sendo que quanto maior o valor a...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários