As beneficiárias do Programa Mães de Goiás agora podem contar com atendimento por telefone para tirar dúvidas de forma rápida e direta sobre questões relacionadas ao serviço prestado pela secretaria. O atendimento funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, pelos números (62) 32011996, (62) 32018076, (62) 32019749 ou (62) 9 8306 0145. 

Além desses contatos, a empresa responsável pela emissão dos cartões, disponibiliza os seguintes canais para questionamentos relacionados à perda, extravio e senhas bloqueadas: 0800-9010203 ou whatsapp (16) 993757412.

O Mães de Goiás é um programa do Governo do Estado que oferece auxílio de R$ 250,00 por mês, para mulheres em situação de extrema vulnerabilidade social, registradas no Cadastro Único (CadÚnico) do Governo Federal, com filhos de zero a seis anos de idade. Até o momento, mais de 104 mil famílias já foram contempladas com o benefício. 

Dúvidas frequentes:

No caso de perda do cartão. O que fazer?
No caso de perda ou extravio do cartão, é necessário realizar o registro de ocorrência e, após isso, entrar em contato com a BK Bank para solicitar a segunda via.  Contato: 0800 901 02003 ou pelo whastaap: (16) 99375 7412 E-mail: atendimento@bkbank.com.br 

O saldo de R$ 250 pode ser acumulado?
O saldo pode ser acumulado por até três meses. No caso de não utilização por um período maior que este, o dinheiro é estornado. 

O estabelecimento comercial pode cobrar um valor extra para venda pelo cartão Mães de Goiás?
Nenhum estabelecimento comercial credenciado pode cobrar taxa do beneficiário. O valor deve ser utilizado integralmente. No caso de cobrança, o beneficiário pode denunciar o local pelos mesmos contatos do BK Bank. 

Pai, avós, tios ou outros integrantes da família, com a guarda da criança, podem receber o benefício?
Sim. O Programa atende o responsável legal pelas crianças de zero a seis anos. 

Mães gestantes são elegíveis?
Não. Ela só será incluída como beneficiária após o nascimento da criança, diante da atualização do CadÚnico. 

Quem já recebe outros benefícios de transferência de renda também pode entrar?
Sim, o pagamento do Mães de Goiás é independente do recebimento de outros benefícios de transferência de renda. 

Em quais casos o pagamento do benefício pode ser bloqueado ou suspenso?
O pagamento referente ao Mães de Goiás pode ser bloqueado ou suspenso nos seguintes casos: 
• Solicitação da beneficiária; 
• Descumprimento dos requisitos exigidos para o recebimento do benefício; 
• Saída do Cadastro Único do Governo Federal;
• Ausência de uso do benefício em período superior a 60 dias; 
• Ocorrência de falsa declaração ou fraude para a obtenção do benefício.

Leia também:

- Mulheres já representam 21,3% de investidores goianos

- Pesquisa do IBGE aponta que mais da metade dos domicílios de Goiânia tem a mulher como responsável

- Mulheres têm quase cinco vezes menos chances de eleição em Goiás