O fim do auxílio emergencial e as incertezas ligadas ao início do Auxilio Brasil --cuja promessa do governo de pagar R$ 400 por família não deve ser cumprida ao menos neste mês de novembro--, fazem com que milhares de famílias vivam sem saber se terão alguma renda para conseguir fechar as contas do mês. Só na capital paulista, a Prefeitura de São Paulo diz que pe...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários