As contas em atraso aumentaram e os goianienses têm concentrado as dívidas especialmente nas instituições bancárias. Isso é o que revela pesquisa do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC). Levantamento de abril aponta crescimento de 1,13% na inadimplência em comparação com março em Goiânia. Os bancos correspondem a 55,85% dos locais onde foram feitos os compromissos não h...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários