Adversário do Atlético-GO pela 4ª rodada da Copa Sul-Americana, na noite desta quarta-feira (4), em Goiânia, o Defensa y Justicia (Argentina) jogou na noite desta segunda-feira (2) pela Copa da Liga Argentina e conquistou a vitória sobre o Unión, em Santa Fé, no Estádio 15 de abril.

O Defensa y Justicia venceu por 2 a 1 - gols de Carlos Rotondi e Francisco Pizzini, enquanto Mariano Peralta descontou para o Unión.

A equipe é 4ª colocada na Copa da Liga Argentina, com 22 pontos, atrás de Racing, River Plate e Newell's Old Boys.

Depois da partida, o clube argentino iniciaria viagem para enfrentar o Dragão no Estádio Antonio Accioly também numa logística de viagem bem cansativa. A previsão de chegada na capital goiana era na madrugada desta terça-feira (3) para descansar durante o dia e fazer jogo decisivo contra a equipe atleticana no dia seguinte.

Na Sul-Americana, o Dragão soma 6 pontos, lidera o Grupo F e precisa da vitória, assim como o Defensa y Justicia, que soma 3 pontos e está na 3ª colocação da chave após derrotas para o Atlético-GO (1 a 0) e LDU (2 a 1), em casa, e vitória sobre o Antofagasta (3 a 1).

O técnico Sebastián Beccacece escalou força máxima em Santa Fé e não deve poupar atletas em Goiânia. O Falcão, como o time é conhecido, iniciou o jogo com Ezequiel Unsain; N. Tripichio, Juan G. Rodríguez, N. Colombo, Alexis Soto; Kevin Gutiérrez, G. Hachem; Walter Bou, Francisco Pizzini, Carlos Rotondi; Miguel Merentiel.