O pleno do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) decidiu nesta quinta-feira (18), por seis votos a dois, acatar o recurso do Brusque e retirar a punição da perda de três pontos pelo caso de racismo do então presidente do conselho deliberativo do clube, Júlio Antônio Petermann, contra o jogador Celsinho, do Londrina, em partida disputada entre as equipes em 2...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários