Apesar do empate, em 0 a 0, o clássico entre Atlético-GO e Goiás foi de temperatura quente e com trocas de farpas entre os jogadores. O meia Élvis disse que é uma rivalidade normal e que precisa se limitar às quatro linhas.

Esse foi o quarto clássico entre atleticanos e esmeraldinos na temporada e há um histórico de polêmicas nessas partidas. O meia Élvis admitiu que a rivalidade é crescente, mas avalia como uma situação importante para as equipes.

Leia também:
+ Jair Ventura promete que, na volta, Goiás "vai propor, ganhar e classificar"
+ Jogadores do Goiás lamentam desfalques em clássico

“São quatro jogos em um curto espaço de tempo. Existe a rivalidade, mas essa rivalidade não pode passar para nossa torcida e a torcida do Atlético-GO.  Isso faz parte do jogo e o mais importante é que aqui fora todos se respeitam”, destacou.

Em 2022, o Atlético-GO saiu vitorioso nas duas partidas da final do Campeonato Goiano, enquanto o Goiás venceu no jogo do 1º turno do Campeonato Brasileiro, além do empate desta quarta-feira (22) pela Copa do Brasil. Os dois rivais ainda se enfrentam mais duas vezes na temporada: no dia 13 de julho tem o jogo da volta pela Copa do Brasil e a série de seis jogos termina no 2º turno da Série A.