Correr em Miami era um projeto antigo. Seis meses antes de a Liberty Media assumir de fato o controle dos direitos comerciais da Fórmula 1, o então presidente da empresa Chase Carey já deixava claro qual era o objetivo central: "Teremos um plano para desenvolver [o esporte] na América. A F1 é uma marca premium e isso significa que você precisa estar em um lugar como L...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários