Acusado pelo Goiás de danificar uma porta do vestiário do Estádio da Serrinha, após a partida entre Goiás e Atlético-MG no último sábado (31), o atacante Hulk negou que tenha feito tal ato e notificou o Goiás extrajudicialmente para uma retratação pública. A informação é do ge.globo.

Questionado sobre o tema pelo POPULAR, o Goiás, por meio da assessoria de imprensa, disse que o clube esmeraldino não vai se pronunciar sobre o caso por enquanto.

A acusação foi feita após o jogo quando a assessoria de imprensa enviou uma foto, via aplicativo de mensagens, apontando que Hulk teria danificado uma porta.

O jogador foi para as redes sociais acusar de fake news. "Acusar alguém pelo que não fez é crime", disse o jogador em uma publicação no Instagram.

Na súmula da partida, o árbitro Bruno Arleu citou um incidente envolvendo diretores do Atlético-MG nos vestiários, mas não citou o nome de Hulk no documento.