O Vila Nova flertou com a saída da lanterna da Série B do Campeonato Brasileiro, mas sofreu um castigo dolorido nos acréscimos da partida contra o Novorizontino. Após estar vencendo até os minutos finais, o time colorado cedeu o empate ao time paulista, por 1 a 1, na noite deste sábado (30), no Estádio Jorge de Biasi. 

Com o ponto somado no interior de São Paulo, o Vila Nova chegou aos 18 pontos e segue na última posição da tabela de classificação, mas com a mesma pontuação do penúltimo colocado, o Náutico. 

O Vila Nova foi para a partida contra o Novorizontino com mais confiança após a vitória sobre o Vasco da Gama. O Tigre viu o adversário criar mais chances no 1º tempo, mas foi premiado pela efetividade. 

Após ter desperdiçado um grande contra-ataque, o atacante Neto Pessoa teve uma nova oportunidade, aos 45 minutos do 1º tempo. O jogador recebeu lançamento, dominou dentro da área e chutou de virada para vencer o goleiro Lucas Frigeri.

Com o resultado parcial, o Tigre estava saindo da lanterna e melhorando sua condição para sair da zona do rebaixamento nas próximas rodadas. O time colorado não conseguia encaixar um bom ataque para ampliar o placar e definir a vitória.

O Novorizontino não conseguia colocar grande pressão, mas acabou ganhando um incentivo nos minutos finais da partida. O lateral direito Alex Silva foi expulso de campo por receber o segundo cartão amarelo. Com um jogador a mais, os donos da casa se lançaram com tudo para o ataque e conseguiram o empate aos 46 minutos do 2º tempo. Bruno Costa limpou a marcação e fez um belo gol.

O Vila Nova volta a campo na próxima sexta-feira (5), às 19 horas, no Estádio Serra Dourada, para enfrentar o Ituano.


FICHA TÉCNICA
NOVORIZONTINO: Lucas Frigeri; Wálber (Rômulo), Rodolfo Filemon, Ligger e Romário (Reverson); Gustavo Bochecha, Ronald (Welliton) e Danielzinho; Douglas Baggio (Cléo Silva), Ronaldo e Quirino (Bruno Costa). Técnico: Rafael Guanaes.
VILA NOVA: Tony; Alex Silva, Rafael Donato, Alisson Cassiano e Willian Formiga (Jefferson); Ralf, Romário e Arthur Rezende (Marlone) (Moacir); Pablo Dyego, Neto Pessoa (Daniel Amorim) e Matheus Souza (Diego Tavares). Técnico: Allan Aal.
Local: Estádio Jorge de Biasi (Novo Horizonte/SP)
Data: 30/7/2022 (sábado)
Horário: 18h30
Árbitro: Diego Pombo Lopez/BA
Assistentes: Alessandro Álvaro Rocha de Matos (FIFA/BA) e Jucimar dos Santos Dias/BA
VAR: Heber Roberto Lopes/SC
Gols: Neto Pessoa aos 45’ do 1º tempo (Vila Nova); Bruno Costa aos 46’ do 2º tempo (Novorizontino)