Ataque titular e defesa alternativa: esse foi o Flamengo de Dorival Júnior na vitória contra o Avaí no domingo (24). A escalação segue o planejamento do treinador, que também mexeu no time no jogo contra o Corinthians às vésperas da classificação às quartas da Copa do Brasil. O resultado, dessa fez, foi diferente e mostra o elenco encontrando um caminho enquanto aguarda novos investimentos.

Os pontos no Campeonato Brasileiro não só traçam o projeto de recuperação na competição como também mantêm a saúde em dia para a disputa do mata-mata. As quartas da Copa do Brasil estão no horizonte rubro-negro, e o jogo de ida contra o Athletico-PR ocorre nesta quarta-feira (27), às 21h30 (de Brasília), no Maracanã, no Rio de Janeiro.

Não à toa, Dorival optou pelo descanso da defesa que é considerada titular. Rodinei, David Luiz, Léo Pereira e Filipe Luís deram espaço a Matheuzinho, Fabrício Bruno, Pablo e Ayrton Lucas contra o Avaí. O primeiro quarteto foi titular nas duas vitórias contra o Tolima e na classificação em cima do Atlético-MG. Enquanto isso, o goleiro Santos foi titular nos últimos nove jogos e se consolidou na posição.

Dorival mantém o planejamento e utiliza rodízio do elenco, principalmente em função dos jogos futuros. Contra o Avaí, o quarteto de ataque - Everton Ribeiro, Arrascaeta, Gabi e Pedro - foi titular, no entanto, deu espaço também para Everton Cebolinha ganhar mais minutos e Arturo Vidal fazer a estreia pelo Flamengo.

Embalado pela quarta vitória consecutiva, o Flamengo tem a missão de se manter no caminho para dar um passo à classificação na Copa do Brasil, que será decidida na Arena da Baixada no dia 17 de agosto. Internamente, o time trabalha com a expectativa baixa de ter reforços para este segundo confronto.

A janela de inscrição da Copa do Brasil se encerra nesta terça-feira (26), ou seja, caso outro reforço apareça entre os dias 27 de julho e 15 de agosto, não poderá disputar as quartas, semifinais e a final da competição, caso o clube avance. O Flamengo mantém dois nomes no radar, porém sabe da dificuldade de acertar a negociação em pouco mais de 24 horas.

O volante Walace é a prioridade rubro-negra, mas a negociação com a Udinese está estagnada. Apesar do aceno positivo do jogador, os clubes ainda não chegaram a um denominador comum. Outro nome é Guilhermo Varela, que atua no Dínamo de Moscou e chega ao Rio de Janeiro nesta quarta-feira (27) para assinar o contrato.

O jogador vai usar a cláusula da FIFA para suspender o contrato com o clube russo e assinará o empréstimo por um ano com o clube carioca. No entanto, o clube rubro-negro já prevê, em seis meses, a assinatura do pré-contrato para Varela ficar em definitivo.

Leia também
Atlético-GO pode ter cinco novidades na escalação contra o Corinthians
Atlético-GO perde um mando de campo e é multado por injúria racial de torcedor a Fellipe Bastos

De acordo com a cláusula da Fifa, o contrato entre Varela e Dínamo de Moscou ficará suspenso até junho de 2023 e, a partir disso, o lateral fica livre para assinar em definitivo com o Flamengo. O clube carioca já deixou claro o interesse da tratativa e pretende contar com o jogador por mais três anos.

Embalado e com perspectiva de futuro, o Flamengo vê a diretoria viver a expectativa para novas contratações. Há uma vaga para a nova lista de inscritos da Libertadores, que tem que ser enviada até dia 30 de julho. Caso passe para semifinal, serão mais três mudanças para o dia 27 de agosto. Enquanto isso, o Campeonato Brasileiro recebe novos atletas até dia 26 de agosto.

Para a partida desta quarta-feira, uma possível escalação inicial do Flamengo tem: Santos; Rodinei, David Luiz, Léo Pereira e Filipe Luis; João Gomes, Thiago Maia, Everton Ribeiro e Arrascaeta; Gabigol e Pedro.

O Athletico-PR, por sua vez, utilizou um time misto na derrota contra o Botafogo, no sábado (23), pelo Campeonato Brasileiro, e poderá contar com nomes importantes. Cuello e Vitor Roque, que não atuaram contra o time carioca por estarem suspensos, também estão à disposição. Por outro lado, o técnico Felipão não poderá contar com Pablo, que se recupera de um edema na coxa.

Conforme divulgado pela jornalista Monique Vilela e confirmado pelo portal ge, o técnico testou uma formação com três zagueiros para o confronto, e pode ir a campo com: Bento; Nico Hernández, Thiago Heleno e Pedro Henrique; Khellven, Hugo Moura, Erick e Abner; Canobbio, Terans e Cuello.

Estádio: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)

Horário: Às 21h30 (de Brasília) desta quarta-feira (27)

Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira (Fifa/SP)

VAR: Wagner Reway (PB)