Em vídeo divulgado em uma rede social, o presidente do Goiás, Paulo Rogério Pinheiro, explicou a situação dos atacantes Nicolas e Apodi quanto à possibilidade de utilização deles na sequência da Série A do Campeonato Brasileiro.

Apodi e Nicolas já estão realizando trabalhos com bola, mas ainda vivem a chamada fase de transição entre o departamento médico e o campo. Os dois jogadores se recuperam de lesões musculares.

Segundo o presidente esmeraldino, Apodi está em um estágio mais avançado de transição. Desta forma, caso não haja nenhum problema até o treino de sábado, o experiente jogador deve ficar à disposição do técnico Jair Ventura. Isso já era esperado para o clássico contra o Atlético-GO, mas o clube preferiu preservá-lo.

Nicolas também já trabalha com bola, mas ainda em um processo inicial de transição. De toda forma, o atacante passa por avaliações diárias após os treinos para medir a evolução e não está descartada a convocação do jogador para a partida diante do Cuiabá.

Nicolas e Apodi não atuam pelo Goiás desde a vitória sobre o Botafogo, fora de casa, pela Série A do Campeonato Brasileiro. Curiosamente, essa foi a última vitória do Goiás na temporada. Depois disso, o time esmeraldino empatou com Ceará e Fortaleza e perdeu para Internacional e Corinthians, pela Série A, além do empate desta quarta-feira (22), no clássico contra o Atlético-GO pela Copa do Brasil.