O técnico Jorginho disse que está tranquilo quanto ao trabalho que está desenvolvendo no Atlético-GO e que compreende qualquer decisão tomada pela diretoria do Dragão quanto a sua permanência no cargo.

O Atlético-GO está nas quartas de final de duas copas (do Brasil e Sul-Americana), mas vive crise no Campeonato Brasileiro, no Z4 e com cinco derrotas seguidas.

Apesar de mostrar confiança em uma volta por cima da equipe na sequência da temporada, o treinador disse que entende que a série de resultados negativos, como as cinco derrotas no Brasileirão, pode pesar em uma decisão da direção.

Leia também:
Atlético-GO perde para o América-MG e vira turno no Z4
Atlético-GO acerta contratação de zagueiro do Botafogo
Dragão inicia venda de ingressos para jogo contra o Corinthians

“Sei do peso que tem cinco derrotas consecutivas, mas estou muito tranquilo em relação aquilo que estamos fazendo e ao planejamento que fizemos. Se isso for abortado, lamento profundamente”, frisou Jorginho, em entrevista coletiva. “Qualquer situação que venha eu respeito profundamente, mas eu acredito no meu trabalho”, completou o treinador atleticano.

Sobre a derrota para o América-MG, Jorginho disse que o Atlético-GO teve um primeiro tempo muito ruim, que “foi um horror” e que conseguiu melhorar a postura no 2º tempo. O treinador fez quatro alterações no intervalo e ressaltou que a escalação da equipe foi pensada não somente pela comissão técnica, pois existia a necessidade de preservar alguns atletas desgastados fisicamente.