O técnico Jair Ventura deverá ter problemas para manter o sistema com três zagueiros para os próximos jogos do Goiás. O zagueiro Da Silva saiu lesionado no início do clássico contra o Atlético-GO e, no momento, os únicos zagueiros à disposição são os três que terminaram a partida no Estádio Antônio Accioly.

Desde a chegada de Jair Ventura ao clube, na 2ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro, o treinador ajustou o sistema defensivo da equipe com o esquema de três zagueiros. No entanto, com as sucessivas baixas no plantel esse sistema corre risco.

Neste momento, o Goiás conta apenas com três zagueiros de ofício como opções para Jair Ventura. Reynaldo César, Caetano (os que mais atuaram na temporada), além do jovem Yan Souto, de 20 anos, que entrou com personalidade nos dois últimos jogos esmeraldinos contra Corinthians e Atlético-GO e deu boa resposta.

Leia também:
+ Presidente do Goiás explica que Nicolas e Apodi estão em transição
+ Técnico do Goiás promete que time vai propor jogo na volta da Copa do Brasil

Da Silva, titular contra o Dragão, saiu de campo com uma lesão no joelho e passa por exames detalhados para averiguar o grau da contusão. O jogador, de 21 anos, até tentou voltar para o jogo, mas não resistiu às dores.

Yan Souto entrou na partida e o técnico Jair Ventura ficou sem reposição para a zaga no banco de reservas. “Oportunidades aparecem para ser agarradas, e temos de agarrar da melhor maneira possível”, frisou. O jovem defensor disse que apesar de ter ficado marcado pelo lance do pênalti sobre Jorginho na final do Campeonato Goiano, ele já deixou esse episódio para trás. “Eu não fico pensando nas coisas do passado, prezo pelo presente e o futuro. Jogos que ficaram, não vêm na minha mente”, garantiu o defensor.

O experiente zagueiro Sidnei, de 32 anos, contratado no fim do mês de março está realizando treinos físicos e não há previsão, neste momento, para a utilização do atleta na sequência dos jogos.