O Centro Cultural da Universidade Federal de Goiás (CCUFG) abre nesta terça-feira (2/8) a exposição “Matrizes: Gravura e Aproximações”. Composta por obras de 27 artistas de quatro gerações de mulheres gravadoras, a mostra poderá ser conferida até o dia 7 de outubro, com entrada franca.

A cerimônia de abertura da exposição será às 20h, no Centro Cultural UFG, e contará com a presença de artistas e organizadores. Distribuída em duas galerias do CCUFG, a mostra também contará com ações educativas, como oficinas e rodas de conversa.

A proposta é coordenada pela diretora do CCUFG, Maria Tereza Gomes, que teve consultoria e colaboração compartilhada dos artistas e professores da Faculdade de Artes Visuais (FAV/UFG), Adriana Costa, Selma Parreira e ZèCesar. De acordo com os organizadores, a ideia é trazer reflexões sobre o processo histórico e educativo desse tipo de expressão artística. Busca ainda a interação com jovens expoentes da gravura atual, em um recorte histórico da relevância da mulher na gravura em Goiás.

Fazem parte da mostra: Adriana Mendonça, Altina Felício, Ana Maria Pacheco, Célia Gondo, Cléa Costa, Cris Frauzino, Dinéia Dutra, Doris Pereira, Edith Lotufo, Edna Goya, Fabiana Francisca, Filomena Gouvêa, Heliane Almeida, Ilda Santa Fé, Iza Costa, Jessika Lorrane, Lydia Semerene, Manoela dos Anjos Afonso Rodrigues, Maria Angélica, Maria Eugênia, Nancy de Melo, Naura Timm, Selma Parreira, Simone Simões, Suely Lima, Vanda Pinheiro e Veronica Noriega. Grande parte dessas mulheres são docentes, ex-docentes e estudantes da FAV/UFG.

SERVIÇO
Exposição “Matrizes: Gravuras e aproximações”
Abertura: terça-feira (2/8)
Horário: às 20h
Período: até 7 de outubro
Visitação: de segunda a sexta, das 9h às 17h
Agendamento de grupos pelo telefone 3029-6499
Local: Centro Cultural UFG, Av. Universitária, 1533, Setor Universitário
Entrada franca