Adele está aprendendo a ser feliz sozinha. Em seu quarto disco, "30", o que mais a faz sofrer não são os amores impossíveis de concretizar ou de esquecer, como em "19", "21" e "25", mas a relação mais importante de sua vida --a que ela tem consigo mesma. O fio condutor do álbum, que será lançado nesta sexta-feira, é a crise dos 30, idade que Adele completou em 201...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários