Após a formação do paredão desta sexta (15), Arthur Aguiar, Pedro Scooby, Douglas, Gustavo e Paulo André discutiram no quarto grunge sobre a dinâmica.

Na dinâmica de votação, Arthur e Douglas receberam o mesmo número de votos da casa. Sobrou para Gustavo, o líder, escolher quem entre eles seria emparedado. O curitibano escolheu Arthur, alegando que ele não era indicado para a berlinda havia mais tempo e que esse seria critério combinado entre os brothers do quarto grunge.

Ainda na formação do paredão, Arthur falou que não concordava com a justificativa, já que ele havia sido indicado para o paredão falso e havia vivido todas as emoções da disputa.

Após a formação, Scooby tentou explicar o raciocínio do grupo a Arthur, dizendo que eles consideraram apenas paredões em que houve risco dos participantes saírem da casa. O entendimento, segundo Scooby, era o de que a saída no paredão falso equivalia a ganhar uma dinâmica.

Gosta de BBB? Acompanhe todas as novidades sobre a casa mais vigiada do Brasil por aqui 

Arthur disse que respeitava a decisão, embora não concordasse com o argumento. Para ele, os brothers deveriam levar em conta a passagem pela berlinda falsa. "A parada é que eu fui em seis [Paredões]. Esse é o meu sexto Paredão. DG foi em em quantos, dois Paredões? Eu fui em seis", complementou o brother.

Depois, Gustavo criticou o movimento de Arthur na formação do Paredão. O ator puxou Douglas no Contragolpe, também utilizando a justificativa de escolher quem não era indicado ao Paredão havia mais tempo. "Teu argumento para puxar o DG foi errado, você deveria ter puxado o Scooby", disse o curitibano.

Douglas concordou com Gustavo, dizendo que eles conversaram sobre isso durante a semana. "Eu não participei da conversa", se defendeu Arthur.

Leia também 

Enquete BBB 22: Arthur, DG, Eli ou Jessi? Quem sai?

Líder Gustavo define voto em Jessilane para o paredão do BBB 22