No dia 29 de dezembro de 1992, o Brasil não acreditava no que assistia na TV. O motivo poderia ser o desenlace da mais grave crise política após a redemocratização do País. Afinal, naquele dia o presidente Fernando Collor, afastado do cargo por um processo de impeachment em setembro, apresentou sua renúncia definitiva durante seu julgamento no Senado. Mas não ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários