A Justiça portuguesa anunciou na última quinta-feira (28) a abertura de dez inquéritos sobre casos de suspeita de assédio sexual por parte de membros da Igreja Católica no país. As investigações se basearam em depoimentos de vítimas prestados a uma comissão independente criada justamente para apurar esse tipo de situação. Desde janeiro o colegiado recolheu 352 te...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários