A campanha deste ano em Goiás poderá custar mais do que a de quatro anos atrás. É o que avaliam marqueteiros e cientistas políticos ouvidos pelo POPULAR, apontando como razões principais para isso o aumento do Fundo Eleitoral, inflação e a possível maior quantidade de candidatos, devido ao fim das coligações proporcionais e liberação para candidaturas isoladas ao Sen...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários