Em 1927, a jovem Benedita Chaves Roriz, de 22 anos, moradora da fazenda Surubim, em Luziânia, decidiu lutar por seu direito de votar. Com ajuda do médico Americano do Brasil e do engenheiro agrônomo Joaquim Câmara Filho, ela redigiu um requerimento e o juiz Clóvis Roberto…

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários