A declaração de voto da desembargadora Carmecy de Oliveira, para justificar a mudança de sua decisão contrária para favorável à cobrança dos cartórios sobre bens de herança sintetiza o julgamento do Órgão Especial do Tribunal de Justiça de Goiás (TJ-GO), nesta quarta-feira (9). “Pelo princípio da…

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS

Navegue pelo assunto:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários