Na primeira entrevista que concedeu após o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinar o envio dos autos da Operação Cash Delivery à Justiça Eleitoral, o ex-governador Marconi Perillo (PSDB) diz à coluna que a decisão desfaz “aberração jurídica”.

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários