As vaias recebidas pelo governador Ronaldo Caiado (UB) durante visita do presidente Jair Bolsonaro (PL) a Rio Verde, em 20 de abril, serviram de combustível para a articulação do movimento com o mote “Sou Caiado, sou Bolsonaro”. Além do adesivo que pode ser visto nas ruas de Goiânia (veja abaixo), a coluna apurou que um ato…

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários